21/06/2022

João Machado, um dos maiores nomes do design nacional, assina a imagem do São João, no ano em que a cidade se reencontra para as maiores festas da cidade. A partir da iconografia associada ao balão junino, o também escultor convida a descobrir as cores e as formas associadas a esta tradição.

 

No ano em que as festas da cidade regressam às ruas, com os habituais bailaricos a colorirem (ainda mais) esta data, como marcar visualmente este tão desejado reencontro? E como envolver a cidade, novamente, no verdadeiro espírito de união à volta dos seus ícones?


A Câmara Municipal do Porto convidou o designer e escultor João Machado para assinar a imagem das Festas de São João 2022, uma identidade visual marcante e alicerçada em elementos que fazem parte do imaginário coletivo da cidade que vive, de forma entusiasmada, a noite mais longa do ano.


O designer assume que a ideia para o projeto – “que aceitei com grande satisfação”, revela - surgiu naturalmente do imaginário relacionado com as festas, recorrendo à incontornável iconografia, com destaque para o balão de papel, o alho porro, o manjerico, o fogo de artifício e o bailarico.



Mas, no final, o balão é o elemento que ganha maior protagonismo. “E elegi [o balão] por aquilo que ele representa, como o início da festa e a sua ligação à veneração do santo que se festeja, mas sobretudo pela beleza que sempre emana no seu voo”, revela João Machado, em conversa com a Ágora.


O autor acrescenta ainda que este é o elemento mais interessante e desafiante na forma como permite “inventar padrões, trabalhar as cores, tornando-o o mais apelativo e poético possível”. Poesia essa que ganha ainda mais expressão quando, na noite mais especial do ano, “o vemos subir, lentamente, iluminando e pintando os céus”.


É esse momento, que se pretende eterno na memória de todos, que o designer procurou matizar na imagem delineada para a edição deste ano. “Uma verdadeira explosão de cores, tão característica do meu trabalho”.



A imagem espalhada por vários locais da cidade cria assim uma mancha visual contagiante e envolvente, uma paleta de cores que procura expressar a euforia e o colorido de um momento que se veste de todas as cores.


“O São João é a maior festa popular da cidade e, como tal, considero que tem a imagem que merece”, destaca o designer, em final de conversa.



Quem é o autor


João Machado nasceu em Coimbra e tem formação em Escultura pela Escola Superior de Belas‑Artes do Porto (ESBAP). No entanto é no design gráfico que o seu trabalho é mais reconhecido e internacionalizado.


Foi docente na ESBAP (entre os anos de 1976 e 1981), tendo decidido dedicar-se em exclusivo ao design gráfico e abrir atelier próprio em 1981.





Desde 1983 participa em exposições individuais e coletivas, sendo que muitos dos seus trabalhos já lhe renderam prémios nacionais e internacionais, entre os quais se destacam o Prémio Excelência Icograda em 1999, o título de “Design Master” da conceituada revista americana Graphis e a sua nomeação como membro da AGI-Alliance Graphique Internationale.


Criou uma matriz muito própria no seu trabalho, onde a cor e as formas ganham relevo em diferentes texturas e dimensões. A sua paixão pelo cartaz é notória, que se revela particularmente no design editorial, nas áreas da ilustração e da filatelia.


Texto: José Reis

Fotos: Rui Meireles

Ver também
Notícias