24/11/2022

Com a chegada do Natal, as ruas começam a ganhar novas cores e enchem-se de sons que apenas conseguimos ouvir nesta altura do ano. Mas, calma, que esta introdução não traz ainda os tais sininhos que anunciam o Natal por toda a parte – esperem para ler o que temos preparado para a próxima semana, fica prometido.  


Antes que o ar se encha de “magia e cor”, vamos fechar novembro da melhor forma, propondo encontros (imediatos) de cinema e música, de moedas e colecionadores, de minigolfe e adeptos (mini e maxi), de famílias e teatro, de Londres e do Porto. Com a certeza de que, depois disto, começa oficialmente a contagem decrescente para a época (dizem!) mais feliz do ano.  


 

Cinema e música em vários locais da cidade 


É um ciclo que retoma o espírito dos velhinhos Cinemas Piolho, que se “propagavam” pelas grandes cidades do país e apresentavam um conjunto de filmes com música ao vivo. Até domingo, 26 de novembro, o Porto acolhe mais um Salão Piolho, ciclo organizado pela Fundação INATEL com o apoio da Câmara do Porto. O programa deste ano junta propostas que acontecem no Cinema Trindade (“Os Lobos”, de Rino Lupo, a 24 de novembro), no Círculo Católico de Operários do Porto (“Marinheiro de Água Doce”, interpretado por Buster Keaton, a 25 de novembro), na Casa das Artes (“Nanook, o Esquimó”, de Robert Flaherty, a 26) e no Maus Hábitos (“Nosferatu”, de F. W. Murnau, a 26).  


 

Espetáculo para as famílias na manhã de sábado 


Está a chegar ao final mais um mês de programação do Cultura em Expansão, com um espetáculo proposto para toda a família. Com direção de Isabel Craveiro, “Ilse, a menina andarilha” é uma criação da companhia conimbricense Teatrão. Partindo do estudo da obra de Ilse Losa, não apenas da infantil, mas também do seu trabalho de jornalista, tradutora e romancista, a peça constrói-se num cruzamento com elementos da biografia da autora, nomeadamente o seu refúgio em Portugal depois da fuga da Alemanha nazi. Desenvolvendo poeticamente a relação entre esta “menina” que caminha sem parar à procura da sua casa, este espetáculo trabalha o referencial casa/fronteira, percorrendo caminhos de memória. “Ilse, a menina andarilhaserá apresentado no dia 26 de novembro, na Associação Nun’Álvares de Campanhã, às 11h00. 


 

Festival londrino decorre na Galeria da Biodiversidade 


Dois dias para explorar o papel dos sonhos nas nossas vidas. Este é o ponto de partida do festival The Shape of a Circle in the Mind of a Fish, organizado pela Serpentine Galleries, no âmbito do programa General Ecology. A decorrer pela primeira vez fora de Londres, o evento conta com a curadoria de Lucia Pietroiusti (Assessora de Ecologia Geral na Serpentine) e Filipa Ramos (Diretora Artística da Galeria Municipal do Porto e do Departamento de Arte Contemporânea da Ágora). A 26 e 27 de novembro, a Galeria da Biodiversidade acolhe os contos hipnagógicos do artista e músico Nahum Mantra, a apresentação do filósofo Federico Campagna, com a participação do arquiteto Yussef Agbo-Ola, da realizadora Rosalind Fowler e dos artistas Giles Round e Hatis Noit. A entrada é gratuita


 

Taça de Minigolfe do Porto com nova edição no Passeio Alegre 


A competição regressa ao Passeio Alegre, mas desta vez com uma novidade: o campo acaba de ser renovado, para receber importantes provas nacionais e internacionais desta modalidade. A Taça do Porto de Minigolfe está dividida em três fases e inicia-se no próximo domingo, com 50 atletas a competir. Serão depois apurados os jogadores para as duas fases seguintes, que acontecem nos dias 4 e 18 de dezembro. Todas as provas começam às 09h00 e decorrem apenas durante a manhã nos circuitos de minigolfe e petergolfe do Jardim do Passeio Alegre, com acesso livre. 


 

Exposição de medalhas e moedas no Museu da Cidade 


A Casa do Infante inaugura, neste domingo, um verdadeiro “repasto” para amantes da numismática e do colecionismo. “Do Mealheiro Allen ao Gabinete de Numismática” junta, no mesmo espaço, exemplares de moedas, medalhas, notas bancárias, entre outros itens de grande raridade da ampla e rica coleção do medalheiro do Museu Allen, adquirido pela Câmara do Porto em 1850 para a constituição do Museu Municipal do Porto. O dia de abertura contará com uma visita comentada por Rui Centeno e Filipe Teixeira, a partir das 16h00. A entrada é gratuita.  

 

 Edição: José Reis

Ver também
Notícias