Município do Porto duplica apoio ao desporto de formação na cidade
27-12-2019
A Câmara do Porto, através da empresa municipal Ágora, celebrou a 27 de dezembro a assinatura dos Contratos-Programa de Desenvolvimento Desportivo com as várias associações desportivas da cidade. O investimento praticamente duplica e supera agora os 102 mil euros, abrangendo um total de 4.873 atletas de 37 clubes e 15 modalidades desportivas. O objetivo é aumentar o número de jovens praticantes.
O Município do Porto vai passar a comparticipar, de forma integral, a inscrição dos atletas dos escalões de formação em 15 modalidades desportivas. A medida foi revelada a 27 de dezembro, durante a cerimónia de assinatura dos Contratos-Programa de Desenvolvimento Desportivo, celebrados entre a empresa municipal Ágora e as várias associações desportivas da cidade.

Ao abrigo destes contratos-programa, vão ser abrangidos 37 clubes e um total de 4.873 atletas. Face à anterior época desportiva, o investimento praticamente duplicou, passando de 53 mil euros para um pouco mais de 102 mil euros em 2019.

Atletismo, andebol, andebol de praia, basquetebol, futebol, futsal, ginástica, hóquei em patins, natação, natação artística, patinagem, pólo aquático, râguebi, ténis e voleibol são as modalidades abrangidas pelos contratos-programa agora celebrados, tendo o presidente da Câmara, Rui Moreira, revelado que é objetivo poder alargar o apoio, no próximo ano, a mais duas modalidades - o surf e o skate - que passaram recentemente a integrar o quadro olímpico.

Durante a cerimónia, realizada nos Paços do Concelho, Rui Moreira congratulou-se com o facto de este reforço ser dirigido precisamente aos escalões de formação, pois "se queremos apostar no desporto e desenvolver uma verdadeira cultura desportiva, temos de começar pela base, porque é onde se concentra a grande massa de praticantes", considerou.

"Se o fizermos, estaremos também a formar melhores alunos e a preparar as nossas crianças para um futuro melhor, fomentando a prática desportiva e promovendo um estilo de vida mais saudável", disse ainda.

O autarca aproveitou a ocasião para elogiar o contributo fundamental das associações desportivas, que "são os nossos parceiros imprescindíveis para que a prática desportiva possa ser uma realidade quotidiana e disponível para toda a população, numa lógica de proximidade e acompanhamento regular".

Notando que os números das mais recentes estatísticas são tudo menos animadores, já que colocam Portugal entre os países com mais baixos indicadores de participação desportiva ao nível de toda a União Europeia, Rui Moreira reafirmou a necessidade de "colocar o desporto na agenda política, conferindo-lhe a devida importância".

"É preciso olharmos para o desporto como um todo, não apenas para o futebol. E é preciso, sobretudo, olharmos para a formação desportiva das nossas crianças como um aspeto determinante da sua Educação e do seu percurso futuro enquanto cidadãos", defendeu o presidente da Câmara, destacando entre as mais-valias do desporto para a formação humana "não só o desenvolvimento físico, psíquico e emocional", como também a aquisição de valores "como a responsabilidade, a solidariedade, a cooperação e a cultura do mérito".

Aliás, lamentando a "enorme carência" que a cidade do Porto tem em termos de infraestruturas desportivas, Rui Moreira afirmou estar "a trabalhar para recuperar desse atraso" e conseguir garantir que todos têm as mesmas possibilidade de acesso e os mesmos direitos no domínio do desporto de formação.

Foi também nesse contexto que o Município do Porto entendeu reforçar a sua aposta, hoje concretizada através da assinatura dos contratos-programa, passando a assumir a totalidade do custo das inscrições dos atletas dos escalões de formação nas modalidades desportivas ditas tradicionais. O futebol era, até aqui, a exceção. A partir de agora, e tomando já como referência a época desportiva 2018/2019, a Ágora assumirá o valor integral das inscrições de 4.873 atletas, filiados em 37 clubes da cidade com atividade desportiva federada, de acordo com a seguinte distribuição:

Basquetebol - 786 atletas
Ginástica - 770 atletas
Andebol - 675 atletas
Ténis Formação - 565 atletas
Natação - 422 atletas
Voleibol - 469 atletas
Futebol - 405 atletas
Râguebi - 369 atletas
Patinagem - 249 atletas
Atletismo - 163 atletas