Concertos da Porta-Jazz regressam no quintal
06-07-2020
Associação de músicos do Porto retoma os concertos, agora ao ar livre e com reserva.

 A partir de 8 de julho, a Porta-Jazz retoma uma prática semanal já com dez anos, interrompida apenas pela pandemia. Os concertos deixam a sala da associação e passam para o seu exterior, de forma a garantir todas as normas aconselhadas pela Direção-Geral da Saúde e a Direção-Geral das Artes nesta nova realidade.


O novo palco, batizado de Quintal Porta-Jazz, vai receber oito atuações até 9 de agosto. As quatro primeiras bandas chegam do Porto, sempre às 19 horas: a 8 de julho toca o projeto "Aparición", de Demian Cabaud; dia 12, é a vez do trio Trocado/Tavares/Constanzo; a 19, ouve-se o Esmae Jazz Ensemble e no dia 26 atua o Eurico Costra Trio.


Na noite de 15 de julho, quarta-feira, o espaço apresenta dois concertos da segunda edição do Festival Robalo, da editora com o mesmo nome, a partir das 21 horas: o projeto Kiri e Samuel Blaser/Marc Ducret. 


Finalmente, nos dois primeiros domingos de agosto, o "quintal" recebe uma extensão de outro festival. O Jazz 2020, organizado pela Fundação Calouste Gulbenkian em substituição do seu habitual Jazz em Agosto, traz o quarteto Toscano/Pinheiro/Mira/Ferrandini no dia 2 e o André Rosinha Trio no dia 9, ambos às 19 horas.

A lotação do espaço é limitada e as reservas para qualquer um dos concertos devem ser feitas em portajazz.com/agenda.



AGENDA
08/07 | 19h00: Demian Cabaud "Aparición"
12/07 | 19h00: Trocado / Tavares / Constanzo
15/07 | 21h00: Festival Robalo -- "Kiri" (Cardita/Joana/Giani/Joaquim) e Samuel Blaser/Mark Ducret
19/07 | 19h00: Esmae Jazz Ensemble
26/07 | 19h00: Eurico Costa Trio
02/08 | 19h00: Toscano, Pinheiro, Mira, Ferrandini (Jazz 2020)
09/08 | 19h00: André Rosinha Trio (Jazz 2020)