Miguel Nogueira
Miguel Nogueira
Miguel Nogueira
Miguel Nogueira
Miguel Nogueira
Campos de Férias municipais recebem Certificado de Qualidade e batem recorde
19-07-2017
Os Campos de Férias promovidos pela Câmara do Porto, através da PortoLazer, passam a exibir desde hoje o Certificado de Qualidade atribuído pela APCER - Associação Portuguesa de Certificação. Este é o reconhecimento da qualidade e segurança de uma iniciativa que cada vez atrai mais crianças e jovens: nesta edição, a oitava, atingiu-se já um número recorde de participantes.

Propostas de animação, desporto e convívio são denominadores comuns deste programa municipal que se estende por dez semanas. Desde o passado dia 26 de junho e até 1 de setembro, o Missão Férias@Porto chega a praias, piscinas municipais, museus ou Parque da Cidade, entre outros espaços lúdicos.


Este ano, os Campos de Férias estreiam um novo polo, chegando ao renovado Parque Desportivo de Ramalde, mantendo-se o Complexo Desportivo do Monte Aventino como palco central. Foi aqui, na tarde desta quarta-feira, que esteve o presidente da Câmara do Porto.


Durante a visita, Rui Moreira recebeu simbolicamente do CEO da APCER, José Leitão, o Certificado de Qualidade, um dos primeiros a ser atribuído a um Campo de Férias municipal. 


Recorde-se que já no ano passado esta mesma associação certificou, pela norma mais recente (ISO 9001/2015), a gestão da Rede Municipal de Piscinas (REMUPI), abrangendo as atividades de ginásio e natação orientadas e livres, assim como a Rede Municipal de Pavilhões e Grandes Campos do Município do Porto. 


A par deste momento, o autarca misturou-se no ambiente descontraído da Missão Férias@Porto, testemunhando a boa disposição de crianças e adolescentes (dos 6 aos 15 anos).


Preparado e acompanhado por profissionais, o programa de férias municipais inclui uma oferta variada: atividades desportivas (em pavilhão, piscina e ao ar livre), passeios, visitas a museus, ateliês e workshops, sessões de cinema, acampamento, jogos e muita brincadeira ocupam os tempos livres de cada vez mais participantes, talvez o primeiro reflexo de uma oferta de qualidade. 


O aumento constante e sustentado de inscrições nos últimos anos revela bem o grau de satisfação que estes campos de férias geram junto dos participantes e respetivos encarregados de educação. Em 2016 registaram-se 1.860 inscrições, número recorde em sete edições, e neste ano está-se já muito próximo das duas mil. 


Dividido em semanas temáticas (Aventura, Fantasia e Descoberta), o programa decorre de segunda a sexta-feira, entre as 8,45 e as 18 horas. Existem descontos para as inscrições em mais de uma semana e para os agregados com dois ou mais filhos.